29 novembro 2014

VOCÊ CONHECE A MONTANHA DE ORAÇÃO?

Você conhece a Montanha de Oração? 
É um lugar que fica na Coreia do Sul, o país com o maior número de cristãos no mundo! A história é a seguinte, lá pelos anos 80 a igreja do Pr Paul Yonggi Cho, adquiriu um terreno com pouco mais de 240.000 m2, distante cerca de 95 Km da Coréia do norte e longe também da sede da igreja. A idéia inicial era que este terreno servisse de Cemitério da igreja, mas a sogra do Pr Cho, a Dra Choi, orando e jejuando sentiu Deus falar a ela que aquele lugar deveria ser um Lugar Especial dedicado à Oração. Um lugar onde se pudesse orar e jejuar, concentrar-se de corpo e alma à oração para que Deus abrisse as portas do céu para aquela igreja e aquele país!



Assim embora inicialmente com dificuldades a igreja dedicou aquele lugar a Deus chamando de MONTANHA DE ORAÇÃO. No início construiram uma tenda onde todos poderiam orar juntos, depois foram construidas ali no terreno algumas grutas com uma portinha, onde uma pessoa poderia entrar sozinha, fechar a porta e lá dentro Louvar, Orar, Agradecer, Adorar, Clamar, Gritar, Chorar, enfim entrar na presença do Senhor no seu mais profundo sentido e sem quaisquer distrações.

Logo perceberam que havia mais gente querendo orar do que cavernas ou grutas para serem ocupadas, e isto funcionando 24 horas por dia! Construíram então um edifício de blocos de cimento, com pequenas salas com porta capaz de acomodar 3.000 pessoas simultaneamente orando!

Que benção! Um lugar onde o céu está sempre aberto e os anjos de Deus subindo e descendo com as orações dos santos! Dizem que quando você entra nos espaço aéreo da Coréia do Sul, você sente um alívio, um halo de luz que envolve este país! Ouvi o relato de um pastor que foi tentar encontrar uma gruta para orar e não encontrou nenhuma vazia! Todas que ele olhava via a porta fechada e o par de sapatos do lado de fora (porque eles tiram os sapatos para entrar para orar).
Por isso vemos que a igreja cresceu tanto que hoje tem cerca de 800.000 membros. A oração é a CHAVE para o real avivamento da igreja, para Salvação de almas e o Crescimento Verdadeiro do Povo de Deus!

Deus usa quem Ele quer, quando Ele quer e para o que Ele quer. Vamos tomar este exemplo de Força da oração e vamos nos movimentar para Orar! Eu PRECISO ORAR! MAIS E MAIS, MUITO!
Precisamos orar, se não puder orar em um grupo, ore sózinho, mas ore! Por favor minha amiga ou irmã (o) ore mais, Ore pelos líderes da igreja de Deus ore pelos membros das igrejas para que se santifiquem mais e mais e parem de “brincar de igreja”.

Eu estou arrasada pelo rumo que a igreja de Deus tem tomado aqui no Brasil, como resultado disto vemos as igrejas cada vez mais mundanizadas, cheias de pecado, de escândalos, de falsidades, adultérios, brigas por poder!

Vemos nosso país tão rico ficando cada vez mais CORRUPTO, CHEIO DO MAL, cada vez mais POBRE de TUDO: de Justiça, de Educação, de Saúde, de Governo Decente. A Violência e o Egoísmo impera no nosso querido Brasil! Coitados de nós!

A única solução: ORAR MAIS, e mais e mais e mais! Vamos nos unir para orar, nem que seja você na sua casa e eu na minha! Ore por você, pela sua igreja e pelo seu país! ORE MAIS!!!

Raquel Moura


20 setembro 2014

Ô MULHER RECLAMONA SÔ


Com certeza você já deve ter ouvido esta frase de alguém muito perto de você (talvez seu esposo, sua amiga, seu filho, um parente...) mas quem mais diz isto para as mulheres são os maridos!
Porquê? Pensava eu, não estou reclamando...porque ele sempre diz que sou RECLAMONA!!!
Comecei a observar com mais atenção. Na verdade eu realmente sempre falava alguma coisa que aos ouvidos dos outros soava como RECLAMAÇÃO.      

Por ex:
- Nossa, estou com uma dor de cabeça....
- Ai acho que dei um mal jeito nas costas
- Amor, sabe aquele dente que o dentista restaurou no mês passado, tá doendo....
- Mas este trânsito tá demais.....ô canseira!!!
- Aposto que vai fazer um calor de matar este ano....e o pior é que nem Ar Condicionado nós temos....
- Mas esta comida está ruim não?

Pensei então: Porquê eu falava assim? Realmente parecia que estava Reclamando....mas dentro de mim eu estava apenas desabafando, conversando, falando o que estava pensando ou o que me preocupava naquele momento. Só que aos ouvidos do marido e dos outros soava como RECLAMAÇÃO e eu ficava uma pessoa CADA VEZ MAIS CHATA, talvez até afastando pessoas de mim!

Ao invés de olhar as coisas boas da vida e AGRADECER, ficava olhando as coisas ruins e RECLAMAVA! E o pior é que nós nem percebemos que fazemos isto! Quer fazer um teste, dá uma olhadinha no que você escreve no seu facebook ou no seu Blog; olhe com olhos de outra pessoa, tente ser imparcial......e aí, o que você escreve, você olha as coisas boas ou vive reclamando das ruins?

Eu sei que precisamos falar, compartilhar, dividir....quando dividimos nossas preocupações com alguém sentimos que não estamos sozinhas. Mas se coloque no lugar do outro, ficar ao lado de uma pessoa que vive falando estas coisas ( reclamando!) CANSA!!! E principalmente os Homens.

Tomei uma decisão: Não vou mais falar estas coisas (RECLAMAR) perto dele e nem de ninguém, afinal minha vida é ótima e ninguém merece ter seu ouvido transformado em pinico!
Comecei a me disciplinar, sabe o que eu faço? Penso, falo comigo mesma estas mesmas coisas, falo baixinho, para desabafar comigo mesma, falo com Deus, oro, transformo meus desabafos em orações, mas não falo com ele( nem com ninguém) pelo menos TENTO!!! Às vezes torno a cair na Reclamação, mas quando percebo meu erro, peço desculpas a Deus, afinal...

 Olhe tudo que Deus tem feito por você (e por mim), será que tudo que Ele fez e faz é tão pouco que um probleminha qualquer se torne maior do que as bençãos que você recebeu e continua recebendo a cada dia?  
Você não acha que CHORA DE BARRIGA CHEIA?


Pra terminar lembremos daquele versículo de Provérbios 21:19 “ É melhor morar numa terra deserta do que com uma mulher rixosa e irritada.” 

Nossa, esta palavra caiu na minha cabeça como um martelo, ai que dor! Como sou EGOÍSTA! 
Vamos mudar gente, chega de RECLAMAÇÕES!
 Transforme suas palavras em bençãos proferidas.


Raquel Moura

26 agosto 2014



VOCÊ TEM FILHOS ADOLESCENTES?
                          NÃO SABE COMO LIDAR COM ELES? 
                                                    ESTÁ QUASE FICANDO MALUCA????

Esta semana uma irmã estava me perguntando sobre um Bom Livro para quem tem FILHOS ADOLESCENTES! Aqui está a indicação:
"COMO REALMENTE AMAR SEU FILHO ADOLESCENTE. Autor Ross Campbell."
Este livro é maravilhoso, me ajudou muito quando estava nesta fase com minhas filhas. Posso dizer que este livro mudou minha atitude e de meu esposo para com minhas filhas e com isto nós vencemos esta fase e conseguimos manter nosso Relacionamento Sólido. 

Leia aqui a Sinopse:

Existem poucas coisas que são tão importantes quanto criar filhos. Mas às vezes, mesmo dando o nosso melhor, descobrimos que precisamos de ajuda para lidar com a rebeldia deles – e, conseqüentemente, com a nossa própria impaciência. Se você se encontra numa situação como essa – ainda existe uma esperança! Nesse livro inovador, o Dr. Ross Campbell ajuda você e seu filho a lidar com essa ira tão mal compreendida. Você aprenderá a respeito das etapas pelas quais toda criança passa e como a raiva se manifesta em cada uma delas. E você aprenderá maneiras práticas de como agir quando se deparar com a rebeldia em seu lar. Se você está tendo que lidar com um filho rebelde – esse livro contém as soluções que você pediu a Deus!

Você encontra em várias Livrarias inclusive online. Por ex. tem na Saraiva...http://www.livrariasaraiva.com.br/produto/179620

A MELHOR MANEIRA DE CRESCER É APRENDER......LER É UMA ÓTIMA FORMA DE APRENDER!!!! Não deixe para depois, quem investe em Aprendizado investe para toda vida, é um tesouro que ninguém lhe tira!!!
Sua Família é o seu maior tesouro!!!!

Raquel Moura

01 agosto 2014

Seu Relacionamento é Tênis ou Frescobol? por Rubem Alves

Relacionamento tênis e frescobol


tenis_x_frescobol2

Faleceu na semana passada o escritor Rubem Alves. Dentre muitas crônicas marcantes escrita por Rubem Alves está “Tênis x Frescobol”, onde faz uma bela reflexão sobre como deve ser o casamento.
_________________________
Depois de muito meditar sobre o assunto concluí que os casamentos (relacionamentos) são de dois tipos: há os casamentos do tipo Tênis e há os casamentos do tipo Frescobol.
Os casamentos do tipo tênis são uma fonte de raiva e ressentimentos e terminam mal. Os casamentos do tipo Frescobol são uma fonte de alegria e têm a chance de ter vida longa. Explico-me.
Para começar, uma afirmação de Nietzche, com a qual concordo inteiramente. Dizia ele:
 “Ao pensar sobre a possibilidade do casamento, cada um deveria se fazer a seguinte pergunta: 
“Você crê que seria capaz de conversar com prazer com esta pessoa até sua velhice?”
Tudo o mais no casamento é transitório, mas as relações que desafiam o tempo são aquelas
 construídas sobre a arte de conversar.
Sherezade sabia disso. Sabia que os casamentos baseados nos prazeres da cama são sempre
decapitados pela manhã, e terminam em separação, pois os prazeres do sexo se esgotam 
rapidamente, terminam na morte, como no filme O Império dos Sentidos. Por isso, 
quando o sexo já estava morto na cama, e o amor não mais se podia dizer através dele, 
Sherazade o ressuscitava pela magia da palavra: começava uma longa conversa sem fim, 
que deveria durar mil e uma noites. O sultão se calava e escutava as suas palavras 
como se fossem música. A música dos sons ou da palavra – é a sexualidade sob a forma 
da eternidade: é o amor que ressuscita sempre, depois de morrer. Há os carinhos 
que se fazem com o corpo e há os carinhos que se fazem com as palavras.
E contrariamente ao que pensam os amantes inexperientes. Fazer carinho com as palavras
 não é ficar repetindo o tempo todo: “Eu te amo”. Barthes advertia: “Passada a primeira
 confissão, eu te amo não quer dizer mais nada”. É na conversa que o nosso verdadeiro
 corpo se mostra, não em sua nudez anatômica, mas em sua nudez poética. Recordo
 a sabedoria de Adélia Prado: “Erótica é a alma”.
Tênis é um jogo feroz. O objetivo é derrotar o adversário. 
E a sua derrota se revela no seu erro: O outro foi incapaz de devolver a bola.
Joga-se tênis para fazer o outro errar. O bom jogador é aquele que tem a exata noção
 do ponto fraco do seu adversário, é justamente para aí que ele vai dirigir sua cortada. 
Palavra muito sugestiva – que indica o seu objetivo sádico, que é o de cortar, 
interromper, derrotar. O prazer do tênis se encontra, portanto, no momento 
em que o jogo não pode mais continuar porque o adversário foi colocado fora de jogo. 
Termina sempre com a alegria de um e a tristeza de outro.
Frescobol se parece muito com o tênis: dois jogadores, duas raquetes e uma bola. 
Só que, para o jogo ser bom, é preciso que nenhum dos dois perca. Se a bola veio
 meio torta, a gente sabe que não foi de propósito e faz o maior esforço do mundo 
para devolvê-la gostosa, no lugar certo, para que o outro possa pegá-la. Não existe
 adversário porque não há ninguém a ser derrotado. Aqui ou os dois ganham ou
 ninguém ganha. E ninguém fica feliz quando o outro erra. O erro de um, no frescobol, 
é um acidente lamentável que não deveria ter acontecido.
 E o que errou pede desculpas, e o que provocou o erro se sente culpado. 
Mas não tem importância: começa-se de novo este delicioso jogo em que 
ninguém marca pontos…
A bola: são nossas fantasias, irrealidades, sonhos sob a forma de palavras. 
Conversar é ficar batendo sonho prá lá, sonho pra cá….
Mas há casais que jogam com os sonhos como se jogassem tênis. 
Ficam à espera do momento certo para a cortada. Tênis é assim: recebe-se o sonho 
do outro para destruí-lo, arrebentá-lo, como bolha de sabão.. O que se busca é 
ter razão e o que se ganha é o distanciamento. Aqui, quem ganha sempre perde.
Já no frescobol é diferente: o sonho do outro é um brinquedo que deve ser preservado, 
pois se sabe que, se é sonho, é coisa delicada, do coração.
O bom ouvinte é aquele que, ao falar, abre espaços para que as bolhas de sabão do 
outro voem livres ao vento. Bola vai, bola vem – cresce o amor… 
Ninguém ganha, para que os dois ganhem.
 E se deseja então que o outro viva sempre, eternamente, para
que o jogo nunca tenha fim…
*****************
Por: Rubem Alves

28 junho 2014

Sinais que mostram que um Relacionamento está em perigo

Um Relacionamento não acaba de repente, sem mais nem menos, geralmente um Relacionamento vai se desgastando, se deteriorando aos poucos, devagar. Um dia é uma tristeza aqui, um grito ali, uma discussão, uma mágoa, e assim, homeopaticamente o relacionamento vai se desgastando e quando se vê o outro diz: ACABOU! ESTOU INDO EMBORA!
E você acha que foi alguém, uma mulher talvez? Sinceramente, quando um homem encontra outra mulher e começa a se envolver com ela é porque você como mulher dele deixou alguma coisa a desejar, faltou alguma coisa neste relacionamento ( e vice versa), encontrar a outra foi a gota que faltava no copo quase cheio do MAU RELACIONAMENTO .

Só que agora, quando a coisa quebrou, é tarde demais para colher o leite que já se derramou! Não espere derramar o seu leite, fique olhando para ele enquanto ele aquece, TOME CONTA DO QUE É SEU!

Então vamos olhar agora e conferir se alguma coisa não está indo bem.
Para pensarmos separei alguns:      

SINAIS QUE MOSTRAM QUE O RELACIONAMENTO ESTÁ EM PERIGO

·         Passar um dia sem dar um abraço, ou um beijo no outro
·         Passar uma semana sem ter SEXO
·         Passar um mês sem sair só os dois juntos para curtir
·         Passar um tempo sem conversar profundamente sobre algum assunto
·         Ir dormir e deixar o outro para trás ( o que será que ele/ela fica fazendo???)
·         Ficar sem conversar por dias por causa de orgulho, falar só o necessário
·         Agressões Verbais, Olhares fuzilantes
·         Pegar-se pensando em outra pessoa
·         Fazer coisas sem ter o outro como participante importante da minha vida
·         Planejar coisas sem pensar no outro
·         Comer uma coisa bem gostosa e nem se lembrar do outro


Isto são só algumas coisas, tem muitas outras mais......
Mas antes que tudo se acabe, não seja orgulhosa (o), egoista, dê o primeiro passo.
“Faça você primeiro o que você gostaria que os outros fizessem por você”
Porque tudo o que você semear, com certeza VAI COLHER!

Quer colher amor? Semeie amor
Quer colher respeito? Respeite
Quer colher amizade? Seja amigo


e assim por diante. Faça primeiro.....dê primeiro.....faça a sua parte!!!

Raquel Moura